Como a faculdade pode melhorar sua perspectiva financeira? Como a faculdade pode melhorar sua perspectiva financeira?

Como a faculdade pode melhorar sua perspectiva financeira?

Ultimamente, escutamos muito por aí, pessoas duvidando da importância que um diploma de nível superior pode ter na vida e no sucesso profissional de uma pessoa. Com a popularização da internet e das redes sociais, temos acesso a histórias incríveis, de pessoas que se deram muito bem na vida sem nunca ter pisado em uma faculdade.

Isso parece muito tentador, principalmente, em um país em que a média de anos de estudo da população gira em torno de 7 anos, como é o caso do Brasil.

No entanto, ignorar a máxima de “estudar para ser alguém na vida” pode lhe trazer consequências ruins em sua carreira profissional e, principalmente, na hora de conseguir o emprego naquela empresa que você sempre sonhou ou, até mesmo, para abrir seu próprio negócio. É importante manter os pés no chão e saber que, por mais incríveis que sejam essas histórias, elas são a exceção da exceção.

Por mais que o nível de desemprego em nosso país esteja relativamente baixo, ter um diploma de graduação pode, sim, melhorar muito sua perspectiva financeira. Ele é capaz de te qualificar para determinada função, desenvolver as habilidades comportamentais exigidas,e te tornar um profissional diferenciado dos demais, deixando mais fácil sua busca por um emprego, e o melhor: em cargos mais bem remunerados na grande maioria dos casos.

Quer saber como fazer uma faculdade pode melhorar sua perspectiva financeira? Confira nesse artigo!

A importância do diploma

O Brasil, como a maioria dos países em desenvolvimento, deu um grande salto no nível de escolaridade de sua população nos últimos 30 anos. Em 1982, menos de 10% dos trabalhadores haviam completado o ensino médio.

Vinte e dois anos depois, em 2004, esse percentual havia subido para mais de 20%. O aumento da escolaridade influencia muito as exigências do mercado de trabalho (cada vez mais, exige-se formação acadêmica) e aumenta consideravelmente a concorrência por vagas.

Mesmo assim, atualmente, menos de 10% dos brasileiros possuem nível superior completo, o que significa maior número de vagas para quem é formado. A taxa de desemprego da população com diploma costuma ser a metade da média nacional.

Estudos comprovam que cada ano de estudo a mais na vida de uma pessoa, um percentual positivo é acrescentado à sua renda. Hoje em dia, uma pessoa que estudou 15 anos de sua vida, possui, em média, uma renda 178% superior à de uma pessoa que nunca frequentou a escola.

Apesar de algumas profissões não exigirem um curso de graduação de seus profissionais, o aumento do nível de escolaridade geral acaba qualificando maior número de pessoas, que vão concorrer por essas vagas. Assim, ter um diploma é um grande diferencial e pode lhe abrir muitas portas, principalmente, se você almeja uma carreira promissora e de sucesso.

Além disso, durante o curso você não aprenderá somente o conteúdo teórico daquilo que se propôs a estudar. Fazer uma graduação requer grande dedicação e empenho, e características importantes para todo o profissional são aprimoradas durante o curso.

Você sairá da faculdade com maiores noções de disciplina, organização e ambição, o que facilita na hora de traçar metas para o futuro e de buscar um emprego bem remunerado.

A prática e o mercado de trabalho

Ter um diploma em um país com poucos graduados é um diferencial e tanto. Essa formação agrega muito valor ao seu currículo e pode te abrir muitas portas.

Durante o curso, você será capaz de associar teoria e prática, com a realização de estágios. As empresas, de um modo geral, valorizam muito a experiência profissional dos candidatos a uma vaga.

Os estágios proporcionam essa vivência, e são uma maneira de você “testar” diversas áreas de atuação na profissão que escolheu, podendo decidir com mais clareza que área é a sua preferida e onde quer atuar.

Estar na faculdade e realizar estágios durante o curso também aumenta muito sua rede de contatos, o que pode te auxiliar bastante na hora de conseguir um bom emprego. Conhecer e trocar ideias com professores, colegas de aula e de estágio, chefes, orientadores e supervisores, além de aumentar seu conhecimento, pode lhe render boas indicações para vagas e entrevistas.

A necessidade de ir além

Como já vimos acima, ter um diploma de graduação aumenta consideravelmente sua perspectiva financeira e as chances de conseguir decolar na carreira que você escolheu. Porém, atualmente, só o diploma pode não ser o suficiente para que você consiga aquela vaga na empresa dos seus sonhos.

Apesar de nosso país, no geral, possuir um baixo percentual de pessoas formadas, cada vez mais pessoas estão despertando para a importância da formação acadêmica. Com o aumento do número de universidades, cursos e universitários, consequentemente, a concorrência e a competição aumentaram também.

Por isso, é necessário que você vá além e, durante a graduação ou mesmo depois de formado, investir em um aprendizado contínuo e em atividades extracurriculares.

Não abra mão de se inscrever em cursos, palestras, seminários e congressos que tenham a ver com a sua área. Além de aprender mais especificamente sobre determinado assunto, você se mantém atualizado sobre as tendências e aumenta sua rede de contatos.

Se você tem tempo, investir em algum curso de línguas também pode incrementar seu currículo, sendo um grande diferencial na conquista de uma vaga, principalmente, em empresas que tenham contatos e parceiros internacionais.

O currículo diferenciado

Ter um diploma não é garantia que você conseguirá um bom emprego. Mas agregar essa formação ao seu currículo, juntamente com sua experiência profissional, atividades extracurriculares e cursos de línguas realizados, além das competências comportamentais que o mercado procura, é muito pouco provável que você não consiga aumentar consideravelmente sua perspectiva financeira.

É sempre bom lembrar da importância de se manter atualizado e antenado nas tendências do mercado de sua futura profissão, nas mudanças que podem ocorrer e como elas podem influenciar sua futura carreira e, a partir daí, traçar planos e metas de qualificação profissional.

Esse artigo resolveu suas dúvidas sobre as melhoras de perspectiva financeira que uma faculdade pode lhe proporcionar? Ainda ficou algum questionamento ou tem alguma opinião sobre o assunto? Comente aqui e conte para a gente!