Diploma de ensino superior aumenta empregabilidade e renda, mostra pesquisa

A pandemia do coronavírus trouxe temores em várias esferas de nossas vidas. Uma das inseguranças é aquela relacionada à instabilidade econômica do Brasil e o consequentemente medo de perder (ou não conseguir) um emprego.

Mas, mesmo diante de todas as incertezas, é possível afirmar que o diploma de ensino superior ganhará ainda mais importância no quesito empregabilidade no mundo pós-pandemia. Estudos apontam que os trabalhadores com menos tempo de estudo – e, portanto, mais vulneráveis em momentos de crise – foram os mais penalizados desde o início da pandemia, em relação aos mais escolarizados.

Uma pesquisa que ouviu egressos e alunos que estavam em fase de conclusão da graduação em 2020 apontou que 50% desse público considerou o curso de ensino superior fundamental para a manutenção de seu emprego nos períodos de crise. Os participantes citaram outros benefícios após a conclusão do curso, como a conquista do emprego dentro da área de atuação (36,4%) e melhorias salariais (24,1%). Os dados são da segunda edição da Pesquisa de Empregabilidade do Brasil realizada pelo Instituto Semesp, que congrega um grupo de empresas mantenedoras do ensino superior no Brasil, com o apoio da Symplicity.

De fato, o diploma de ensino superior não só facilita a inserção e permanência no mundo do trabalho como também contribui para outro importante fator da vida profissional: o aumento da remuneração.

O retorno salarial para a população que possui ensino superior completo no Brasil é maior do que em todos os 36 países que compõem a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). De acordo com o Education at a glance 2018, uma publicação da OCDE, um brasileiro formado ganha 2,5 vezes mais do que alguém com diploma de ensino médio. A média na OCDE é de 1,6 vez a mais.

UniBH oferece rica experiência universitária

Quem procura mais do que um diploma do ensino superior e almeja viver intensamente a experiência universitária pode optar por um dos cursos do Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), uma das mais tradicionais instituições de ensino superior de Belo Horizonte.

São mais de 40 cursos de graduação em diversas áreas do conhecimento no campus Buritis, o único da universidade. Lá, o aluno tem acesso a toda a infraestrutura, corpo docente altamente qualificado, e um projeto pedagógico inovador com a tradição de mais de 50 anos em ensino.

O campus Buritis possui uma extensa variedade de serviços, o que dá ao aluno a sensação de estar dentro de uma cidade. A unidade oferece piscina semiolímpica, academia de ginástica, quadra de esporte, restaurantes com diversos cardápios, agências bancárias, entre outros.

Fora o catálogo de serviços, a universidade também se preocupa em oferecer experiências culturais. Tanto que o UniBH criou uma big band, inspirada na tradição norte-americana, mas com formato totalmente brasileiro. A começar pelo nome: Praia Mineira.

O campus também possui mais de 100 laboratórios para que alunos de diferentes cursos possam ter a oportunidade de vivenciar os desafios reais da profissão. Na área de Saúde os alunos contam toda a estrutura da Clínica Integrada de Saúde, preparada para atender especialidades como Odontologia, Psicologia, Nutrição e Fisioterapia em 38 consultórios.

Já os estudantes de Medicina Veterinária podem fazer as atividades práticas no hospital estruturado para atender animais de grande e pequeno portes 24h por dia. Há ainda laboratórios para os estudantes das engenharias, das licenciaturas em Física, Química e Geologia, estúdios de fotografia e comunicação, entre outros.