Faculdade privada ou pública? Saiba como fazer a escolha

Muitas decisões precisam ser tomadas pelo jovem ao término do ensino médio e nem sempre é possível cursar uma faculdade de imediato. Se decidimos prestar vestibular assim que terminamos a escola, temos ainda que escolher um curso que nos interesse, pensando na possibilidade de passarmos o resto de nossas vidas atuando em uma única área. 

Ainda enfrentamos o dilema de escolher uma universidade que atenda às nossas expectativas e se mudaremos de cidade para perseguir nossos sonhos. E como se não bastasse nossos questionamentos internos, estamos sujeitos também à pressão dos pais e da sociedade para decidir, desde cedo, qual caminho seguiremos.

Se você se identificou com tudo o que foi dito, já conseguiu encontrar algumas respostas, mas ainda não sabe se o melhor é adentrar em uma faculdade privada ou pública, vamos te ajudar!

A seguir, apontamos as características e vantagens de cada uma delas para que você faça uma reflexão e escolha qual a melhor para o seu futuro! Confira!

Características de uma faculdade pública

Como o próprio nome sugere, é uma instituição de ensino superior mantida pelo governo federal ou estadual. Raramente encontramos uma faculdade que seja administrada pelo município, já que o foco dele é a educação infantil, mas, ainda assim, existem algumas espalhadas pelo Brasil.

Muitos estudantes desejam concorrer a vagas em instituições públicas por não haver mensalidades, uma vez que todo o custeio do ensino é feito pelos cofres públicos. Mas, por esse mesmo fato, nem sempre a estrutura física e do corpo docente é compatível com uma educação de qualidade.

Há alguns anos era comum que esse tipo de instituição tivesse mais procura e valor de mercado. Primeiro, porque não havia muitas opções particulares e segundo, porque os que passavam nos processos seletivos eram sempre aqueles considerados melhores alunos.

Apesar do status que essas instituições ainda têm, hoje já existem opções de faculdades privadas que podem ser bem mais atrativas e valorizadas pelas empresas, oferecendo formação de qualidade aos alunos a mensalidades bastante acessíveis.

Vantagens da faculdade pública

Além da questão financeira, o prestígio de algumas universidades já levou muitos jovens a procurarem por uma escola particular para conclusão do ensino médio, a fim de se prepararem melhor para os vestibulares das instituições públicas.

Podemos destacar ainda a estabilidade dos professores que, como concursados, podem seguir carreira na faculdade e se comprometer com projetos e formações mais extensas, o que pode vir a ser benéfico para os estudantes. Porém, tudo dependerá do empenho e da atuação do profissional e, infelizmente, essa garantia de estabilidade pode levar o professor a não se dedicar com tanto afinco ou a não sentir a necessidade de melhorar sua própria formação.

Outro ponto positivo é o de que, nas faculdades públicas, talvez seja mais fácil seguir carreira acadêmica no caso de o aluno que, já tendo um histórico na instituição, decide dar continuidade a seus estudos. Isso ocorre porque o discente se familiariza com a cultura acadêmica daquela universidade e, provavelmente, tem afinidade com as linhas de pesquisa ali desenvolvidas. 

Características de uma faculdade privada

As faculdades privadas são instituições mantidas e administradas por um ou mais investidores, que têm por objetivo oferecer um ensino superior de qualidade ao mercado cada vez mais exigente.

Ao contrário do que alguns podem pensar, isso não significa a mercantilização da educação, mas sim a possibilidade de oferecê-la a um número maior de pessoas sem haver um prejuízo da qualidade.

Podemos citar também a pluralidade do processo seletivo, uma vez que é possível ingressar em instituições, muitas vezes, por meio do vestibular convencional, de uma entrevista ou da apresentação de outras notas, tais como as do ENEM.

Para se estudar em uma faculdade privada, há o pagamento de mensalidades referentes ao curso escolhido e o valor pode variar bastante.

Comumente, as faculdades privadas têm mais foco no mercado de trabalho do que na atuação acadêmica, o que significa que os cursos são mais dinâmicos e voltados para a formação de profissionais com conhecimentos teóricos e práticos, a fim de se preparar o aluno para atuar de acordo com as exigências do mercado.

Para quem deseja complementar sua formação, é possível ainda fazer cursos de extensão e de pós-graduação de acordo com as demandas de cada indivíduo.

Vantagens da faculdade privada

A estrutura das faculdades particulares é, sem dúvida, mais moderna do que a oferecida pelas faculdades públicas. Como há aportes para investimento, os administradores estão sempre em busca de novas soluções, equipamentos e práticas que representem um diferencial no mercado e que despertem o interesse dos vestibulandos.

Outro ponto relevante desse tipo de instituição de ensino é referente à greve, pois nas faculdades privadas elas não acontecem, o que favorece a formação do aluno dentro do período previsto desde o início do curso.

O corpo docente costuma ser bastante qualificado e especializado, não deixando a desejar em relação aos professores de instituições públicas. Como os salários pagos pela faculdade privada são melhores e as exigências para lecionar, maiores, professores mais capacitados são atraídos e continuamente estimulados pelo sistema, o que favorece a qualidade do ensino oferecido. Além do mais, a infraestrutura superior possibilita que os profissionais tirem proveito das tecnologias oferecidas para lecionar de forma mais dinâmica, tornando as aulas mais atraentes.

Reconhecimento de mercado, possibilidade de estímulos financeiros para o pagamento das mensalidades (PROUNI, FIES, dentre outros), iniciações científicas e oportunidades para fazer intercâmbio são outras vantagens oferecidas pelas faculdades particulares. Há inclusive instituições que oferecem seus próprios programas de financiamento e concessão de bolsas parciais ou integrais, em parceria com outras empresas e bancos, como é o caso da UniBH, uma das faculdades privadas mais bem conceituadas de Minas Gerais e com campus espalhados por toda a capital mineira.

Mas, e agora, como escolher a melhor?

O mercado de trabalho tem exigido cada vez mais que os profissionais sejam bem qualificados e preparados para colocar “a mão na massa”. Com a alta competitividade entre os formandos, não há tempo a perder, e a dinamicidade da formação pode fazer toda a diferença na hora de demonstrar suas habilidades.

O futuro graduando deve pensar também sobre a possibilidade de adquirir experiências relevantes já na faculdade. Conseguir fazer um estágio, participar de empresas “júnior” e ter vivências próximas (ou iguais) às da rotina profissional são atividades fundamentais para se sobressair e garantir o sucesso posterior.

A faculdade privada, nesse sentido, é a melhor opção para pessoas que desejam experiências práticas e um diálogo direto com o mercado. Mas, para tomar essa decisão, o vestibulando tem que avaliar o que ele deseja para sua vida profissional e o que ele precisa fazer para conquistar seus sonhos!

Pesquisar as instituições da cidade, avaliar a nota delas no ENADE e até mesmo considerar um coaching para conhecer melhor a si mesmo pode ajudar a tomar as decisões mais assertivas para a carreira.

E você, já tem ideia sobre o que quer para sua vida acadêmica e profissional? Se ainda está em dúvida sobre o que cursar e onde estudar, entre em contato conosco e conheça tudo o que a UNIBH tem de melhor a oferecer a você!