O que faz um profissional formado em Letras? O que faz um profissional formado em Letras?

O que faz um profissional formado em Letras?

Quando se pensa em um profissional formado em Letras, a primeira imagem que vem às nossas cabeças é daquele professor rígido, que nos obrigava a falar corretamente, a ter uma letra bonita e a ler todos aqueles livros que, certamente, cairiam no vestibular.

Pode até ser que essa não tenha sido a realidade de muitos, já que a educação está em constante transformação. Assim como o profissional de Letras. Ele, na base de suas funções, é capacitado para trabalhar com linguagens, o que não significa um monte de letrinhas dispostas umas do lados das outras.

É possível se comunicar por meio de sons, de símbolos, de imagens pelos sentidos da audição e da fala. Ou seja, em tudo quanto há comunicação, ali está um ambiente propício para o profissional formado em Letras.

Quer saber mais sobre o que faz um profissional formado em Letras? Então, confira o post de hoje.

Quais os tipos de graduação em Letras?

O curso de Letras é oferecido nas modalidades de licenciatura e de bacharelado. A licenciatura é a modalidade em que o profissional se torna apto a lecionar na educação básica e, em alguns casos, em cursos superiores e tecnólogos. Há empresas multinacionais que contratam professores de língua portuguesa para ensinar aos seus funcionários a se comunicarem em português.

Já o bacharelado, embora não receba a formação pedagógica que a modalidade de licenciatura oferece, é focado nas disciplinas mais formais da língua, como a linguística, a fonética e a literatura. Todas elas são abordadas com muito mais profundidade. O bacharel deste curso se torna apto para traduzir, redigir, revisar e editar textos, além de poder se tornar crítico literário.

Qual a estrutura do curso?

O curso, geralmente, tem a duração de 4 anos e algumas faculdades apresentam a modalidade de ensino a distância. Na grade curricular constam disciplinas como literatura, semântica, fonética, análises literárias, compreensão do estado, do uso e da evolução das línguas e questões referentes ao uso da linguagem escrita e falada.

Algumas instituições oferecem especializações que compreendem a aplicabilidade dos idiomas em negociações internacionais — que pode se tornar um outro espaço de atuação destes profissionais.

Em que o profissional de Letras pode trabalhar?

No área de educação e ensino, o profissional formado em Letras pode atuar nos segmentos de educação regular, bem como espaços informais, como já mencionado.

Para trabalhar em escolas de idiomas, é o bacahrel em Letras o mais indicado para lecionar. Isso porque, durante a sua formação, o estudante se especializa em uma segunda língua, mas não só dos aspectos de comunicação por fala ou escrita.

É essencial que o profissional saiba, também, os costumes da cultura de origem da língua a que se dedica, uma vez que as sociedades estão em constantes modificações que interferem, inclusive, na forma como se comunicam.

Outro espaço bastante solicitado para a atuação do profissional de Letras é nas escolas preparatórias — os famosos cursinhos. Neste espaço, o profissional ensina formas de interpretar questões e produzir textos, já que estes são requisitos para um bom desempenho em concursos públicos e em vestibulares em geral.

No entanto, não é só em sala de aula ou em outras formas de ensino que o profissional formado em Letras pode atuar. Há espaço para que se desenvolva atividades de:

Tradução

As práticas de tradução são aquelas em que o profissional decodifica escritos em uma outra língua para a língua nativa — ou outra língua em que seja habilitado — ou vice-versa. Acontece mais frequentemente em obras literárias, relatórios, pareceres, laudos médicos e técnicos, contratos e documentos em geral.

Interpretação

Refere-se a uma outra modalidade de tradução, porém envolve a fala, já que estabelece a comunicação entre duas ou mais pessoas que não falam o mesmo idioma. Pode ocorrer de modo simultâneo ou não, em shows, palestras, espaços de convivência, hotéis, editoras, agências de publicidade.

Editoração

Como o nome já diz, é a edição de diferentes textos, nos mais variados suportes — a depender da atividade, como livros, jornais, e-books, filmes (roteiros e legendas), entre outros. O papel do editor é o de definir o formato da obra para editá-la.

Produções textuais

Sim, o profissional formado em Letras pode ser pago para escrever textos dos mais diversos: livros, romances, crônicas, textos, pareceres, críticas, roteiros de teatro ou filmes. Apesar de qualquer pessoa poder escrever e publicar sobre tudo, há mais credibilidade se este profissional tiver a sua formação acadêmica em Letras.

Cinema

Há grande procura por profissionais que façam a tradução para a legenda de filmes, não só pelo aspecto da fala dos personagens, mas também pela cultura das personagens dos roteiros. É essencial que seja transmitido, nas legendas, não só a fala, mas os aspectos culturais que se deseja apresentar, como gírias e trejeitos — chamados regionalismos — que, se não explicados, perdem o sentido de contextualização quando apresentado na tela.

Teatro

Bem parecido com o trabalho desenvolvido pelo profissional no âmbito do cinema, no teatro há também uma análise das linguagens apresentadas, de modo que o que é apresentado seja, de fato, entendido pelo público. Estas análises são feitas pelo profissional formado em Letras.

Revisão

Apesar de todas as áreas citadas necessitarem de revisão obrigatória, há profissionais que apenas trabalham com a revisão ortográfica e gramatical. Há demanda de profissionais com carteira assinada e, também, autônomos. Uma pesquisa de mercado em sua cidade pode indicar a melhor direção.

Pesquisa

Há também espaço para pesquisa sobre línguas que, conforme lembrado, está em constantes modificações devido ao avanço tecnológico e ao multiculturalismo promovidos pela globalização. Nesse caso, novos sentidos são dados às línguas e as formas de linguagens. Assim, são vários os “problemas” que o pesquisador visa resolver com seus estudos. O campo da pesquisa é muito aberto e valorizado no Brasil e no mundo.

Qual a média salarial?

Os profissionais que atuam na área da docência sofrem de um piso salarial que é geralmente acordado pelos sindicatos dos professores. Já alguns empregadores fixam os salários baseados nas atribuições que o empregado desenvolverá.

De acordo com pesquisas de mercado, a média salarial destes profissionais gira em torno de R$ 2.500,00 e o auge da titulação do profissional formado em Letras chega a ser em torno de R$ 5.000,00. Quer saber mais? Clique aqui.

E aí? Ficou mais claro? Agora você sabe o que um profissional formado em Letras faz? Se tiver restado alguma dúvida, fique à vontade para comentar. Combinado?