Olá! Precisa de ajuda? Entramos em contato com você ;)

Utilizamos seus dados conforme previsto em nossos avisos de privacidade. Você pode cancelar nossa comunicação a qualquer momento. Para saber mais, clique aqui.

Pós-Graduação em Neuroarquitetura

Duração:

Titulação:

Turno:

Faça Pós-Graduação em Neuroarquitetura no UniBH

A Pós-Graduação em Neuroarquitetura tem como objetivo capacitar profissionais responsáveis pela criação de espaços e ambientes utilizando conceitos da neurociência. A neurociência aplicada à arquitetura é uma ciência que estuda a relação entre o ambiente e o usuário, a maneira como a materialidade, cores, formas, texturas, iluminação, entre outros são capazes de influenciar o comportamento humano. Dentro desta perspectiva, espaços e seus usos podem ser criados traduzindo bem-estar, redução do nível de estresse, contribuição no processo de recuperação de pacientes, entre outros, permeando memórias culturais de diferentes grupos de usuários e efeitos que a arquitetura pode gerar ao longo do tempo.

Curso

Público-alvo

Arquitetos e urbanistas, designer de interiores, profissionais da área criativa e de produção de espaços e ambiente e também profissionais da área da saúde.

Diferenciais do curso

Educação disruptiva - plenárias com experts, viagens, conexões com empresas reais e problematizações como ferramentas de aprendizagem

Ensino Híbrido: ambientes digitais e presenciais que se complementam para uma jornada completa

Mentoria: direcionamento para sua carreira e negócio


Conheça mais sobre a estrutura da unidade

Ainda ficou com alguma dúvida? Fale com a coordenação.

Quero falar

Deixe seus dados para a coordenação entrar em contato com você ;)


Quem já estudou aqui indica

Imagem do Aluno

Carolina Braga, jornalista, ex-aluna e professora do UniBH

"Iniciei o curso de Jornalismo no UniBH em 1997 e lembro que, já naquela época, existia uma preocupação da instituição na formação de alunos para o mercado de trabalho. Tanto é que, seis meses antes da minha formatura, eu estava empregada em uma agência de publicidade. Depois, trabalhei nos Diários Associados por 15 anos, onde passei pelo rádio, pela televisão e pelo jornal impresso. Em 2004, retornei ao UniBH, desta vez como professora, com a oportunidade de dar aulas para diversos cursos, e não apenas para as turmas de Jornalismo, o que é uma experiência interessante. A minha parceria com a instituição se consolidou ainda mais no ano passado, com o início do patrocínio ao site que lancei em 2016, o Culturadoria, uma iniciativa de jornalismo cultural independente. Esse apoio tem sido muito importante, inclusive no aumento da visibilidade. Sou muito grata ao UniBH!"