Medicina UniBH amplifica campanha de promoção a saúde integral em tempos de pandemia

O Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana da Saúde estão promovendo uma campanha de promoção a saúde integral, voltada para o período de pandemia da COVID-19. A campanha é composta por oito vídeos de até um minuto de duração cada que visam amenizar os efeitos negativos da pandemia da COVID-19 na saúde dos brasileiros

 

Os vídeos são voltados principalmente aos profissionais de saúde, familiares e cuidadores de pessoas idosas, à própria população idosa e aos pais e cuidadores de crianças. Confiram os primeiros quatro vídeos dessa série:

 

Estigma e discriminação envolvendo pessoas de determinada origem étnica, aquelas diagnosticadas com #COVID19, seus cuidadores(as), familiares, amigos(as) ou profissionais de saúde. O coronavírus não vê raça, nacionalidade ou idade. Por isso, devemos sempre apoiar, ter compaixão e respeitar todas as pessoas afetadas pela COVID-19 e que sofrem com este tipo de discriminação. Aperte o play e saiba como você pode ajudar a combater o estigma e o preconceito!

Assista ao vídeo:

 

Durante a pandemia de #coronavirus, pessoas idosas, principalmente aquelas que sofrem com condições como a demência, podem ficar estressadas, ansiosas, com medo e insônia. Se você é familiar ou cuidador(a) de uma pessoa idosa, aperte o ▶️ e saiba como ajudá-la!

Assista os vídeos:

e

 

Promoção da saúde integral em tempos de pandemia.

Assista o vídeo: