Setor de Pesquisa da Medicina UniBH avança na construção de parcerias em pesquisa com Hospitais

O tripé formado pelo ensino, pesquisa e extensão constitui o eixo fundamental da Universidade. A articulação entre o ensino e a extensão aponta para uma formação que se preocupa com os problemas da sociedade contemporânea, e a pesquisa é responsável pela produção do conhecimento científico, levando à evolução da ciência, da tecnologia e dos serviços.

Neste sentido, o setor de Pesquisa do curso de Medicina do UniBH foi criado com a finalidade de despertar o interesse do corpo discente pela pesquisa científica e proporcionar a participação do acadêmico de medicina no desenvolvimento de projetos científicos. A elaboração de um trabalho científico exige do pesquisador iniciante uma atividade intensa, tendo em vista a busca de uma ou mais respostas ao problema proposto. O setor de Pesquisa visa proporcionar a introdução do estudante em um conjunto de questões relevantes à formação acadêmica relacionadas à investigação científica, tais como a ética em pesquisa, o método epidemiológico, a utilização de recursos de informática em pesquisa, o levantamento bibliográfico, além do espírito crítico e investigador.

Dentre as atividades desenvolvidas pelo setor de Pesquisa do curso de Medicina do UniBH, estão a realização de parcerias de pesquisa em hospitais e serviços de saúde de referência em Belo Horizonte. Dentre as instituições parceiras do UniBH em pesquisa estão o Hospital Luxemburgo, o Centro Geral de Pediatria/ FHEMIG do Hospital João Paulo II e o Hospital da Baleia. Outras potenciais parcerias são o Hospital Sofia Feldman e a Maternidade e Hospital Octaviano Neves. Os projetos de iniciação científica estão sendo elaborados pelos pesquisadores das instituições parceiras e pesquisadores/docentes do curso de Medicina do UniBH. Todos os projetos deverão ser aprovados pelo Comitê de Ética em Pesquisa (CEP). As instruções do CEP para a comunidade acadêmica podem ser encontradas neste link. Os acadêmicos interessados em participar dos projetos de iniciação científica serão selecionados através de processos seletivos específicos dos projetos. Os editais serão divulgados através dos meios de comunicação do curso de Medicina e através dos representantes de turma.

Outra proposta dos projetos de pesquisa é o caráter multiprofissional, em que acadêmicos de outras áreas e cursos de graduação do UniBH, como Tecnologia da Informação, Enfermagem, Fisioterapia e Biomedicina, poderão participar e contribuir para o avanço dos projetos.

Mais uma oportunidade para os acadêmicos de medicina é a participação como membros da Comissão Acadêmica de Pesquisa do curso de Medicina. A cada semestre, o setor de Pesquisa selecionará, por meio de processo seletivo, seis monitores para participarem da Comissão. O edital de seleção será lançado pelo setor de Monitorias e Ligas ao final ou início do semestre letivo. Dentre as funções da Comissão está a organização de eventos científicos do UniBH, a divulgação dos eventos científicos nacionais e internacionais para os discentes do curso, e a elaboração de ações em pesquisa que auxiliem o avanço da pesquisa e produção científica do curso.

Fiquem atentos aos editais, participem dos projetos de pesquisa e contribuam para a produção de conhecimento e evolução da ciência.