UniBH é o melhor Centro Universitário privado de Belo Horizonte, segundo o MEC

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta semana o Índice Geral de Cursos (IGC), o mais importante indicador de qualidade para a educação superior no Brasil.   Segundo o levantamento, o UniBH foi eleito o melhor Centro Universitário privada da capital em 2019.

Além disso, o MEC divulgou também o Conceito Preliminar de Curso (CPC), indicador de qualidade que avalia os cursos de graduação no ano seguinte ao da realização do Enade. Dos cursos avaliados o UniBH conseguiu destaques, como: Direito – segundo melhor curso de Minas Gerais; Jornalismo – segundo melhor curso de Minas Gerais; Publicidade e Propaganda – melhor curso de Minas Gerais; Ciências Contábeis – 2º melhor curso de Minas Gerais; Relações Internacionais – melhor de Minas Gerais; Psicologia – melhor curso de Belo Horizonte; Design – melhor curso do Brasil; e Gestão de Recursos Humanos – melhor curso de Minas Gerais.

“Novamente estamos entre as maiores instituições do Brasil, o que mostra que nosso investimento na qualidade do ensino, na estrutura do campus e na formação dos alunos está no caminho certo”, comenta o reitor do UniBH, Rafael Ciccarini.

IGC e CPC

O Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC) é um indicador de qualidade que avalia anualmente as Instituições de Educação Superior. Seu cálculo é realizado leva em conta a nota obtida nos últimos três CPCs, na avaliação dos programas de pós-graduação do CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior) e a quantidade de alunos matriculados nos cursos de graduação e pós-graduação.

Já o Conceito Preliminar de Curso (CPC) é um indicador de qualidade que avalia os cursos de graduação individualmente. Sua divulgação ocorre no ano seguinte a realização do Enade e tem como base, o desempenho dos estudantes da instituição, além de fatores essenciais à qualidade do ensino, como nível de qualificação dos professores, estrutura de salas de aula e laboratórios, proposta pedagógica, planos de aula, bibliotecas, profissionais de apoio e tecnologia.