UniBH na Virada Cultural de Belo Horizonte

Nos dias 20 e 21 de julho, BH recebe a Virada Cultural, que convida a população a redescobrir a cidade e ocupar espaços com vasta programação cultural prezando pela pluralidade, interatividade, sustentabilidade e mobilidade. E o UniBH também vai participar deste grande evento, oferecendo oficinas e serviços gratuitos nas áreas de moda, pedagogia e medicina veterinária.

Confira a programação das nossas ações:

Moda

O Curso de Moda Contemporânea do UniBH vai oferecer a oficina gratuita de prototipagem e reaproveitamento de tecidos que vai ser realizada durante todo o evento, das 19h do dia 20 às 19h do dia 21, na Av. Afonso Pena, no entorno do P7 Criativo (próximo ao número 4000). Para participar, não é preciso fazer inscrição, basta levar de casa uma peça ou objeto que gostaria de remodelar como bolsas, camisas, jeans, entre outros.

“A ideia é fazer com que, usando acessórios como cola quente, decorações diversas, estêncil, linha e agulha, as pessoas possam modificar um objeto que gostam. Queremos mostrar como a sustentabilidade pode transformar peças antigas em estilosas e modernas”, explica Flávia Virgínia, coordenadora do curso de moda do UniBH. “Acho que ajuda a pensar que a moda e o design, por exemplos, não são áreas apenas para se criar produtos para serem consumidos, mas sim parte integrante das soluções que precisamos para ter uma vida e uma realidade mais sustentável e de verdade”, complementa.

– Pedagogia

A programação do curso de Pedagogia vai ser inteiramente voltada para as crianças e faz parte da Viradinha Cultural. A equipe, composta por 30 alunas, dois professores e o coordenador do curso vai realizar diversas atividades durante todo o domingo, dia 21, das 9h às 17h.

Fazem parte do cronograma oficinas de pintura facial, fantoches e máscaras, desenhos e pintura; jogos de tabuleiro, brincadeiras de roda, contação de histórias, gincanas e salãozinho de beleza. Além disso, o público infantil vai poder se divertir com apresentações de dança das alunas do curso. Todas as atrações serão realizadas no Parque Municipal, na área do jardim do Teatro Chico Nunes.

– Medicina Veterinária

Quem adora os bichinhos, terá um espaço especialmente criado pelo UniBH na Virada Cultural. O curso de Medicina Veterinária vai oferecer um serviço de avaliação corporal e estado nutricional dos pets. Será possível também avaliar animais obesos com indicações nutricionais e níveis de estresse comportamental com recomendações técnicas.

Além disso, professores e alunos orientar também sobre questões como: Quando castrar o animal?; Como identificar a presença de um tumor nos pets?; Tosa: Meu pet está com frio, o que fazer?; Saúde e higiene oral do pet; Verminoses; Quais vacinas devo dar e quando?; Quais são os primeiros cuidados com o filhote que acabou de chegar? Como controlar pulgas e carrapatos?; Como identificar plantas que tóxicas para os animais?

Haverá também distribuição de bandanas e plaquinhas para identificação nas coleiras. Todas as ações são gratuitas e serão realizadas no dia 20, sábado, das 19h às 21h; e no dia 21, domingo, das 9h às 19h no Viaduto Santa Tereza.

– Cobertura jornalística

Em parceria com o Instituto Periférico (um dos realizadores da Virada), a CACAU – Comunidade de Aprendizagem em Comunicação e Audiovisual – espaço de experimentação dos alunos de Design, Fotografia, Jornalismo e Publicidade do UniBH, vai levar cerca de 25 alunos, com apoio dos líderes da CACAU e do corpo técnico, para as ruas com o objetivo de fazer a cobertura do evento.

Serão produzidos minidocumentário e fotografias de atividades que acontecem durante a Virada e, geralmente, ficam de fora da cobertura da imprensa local. São atividades que têm cunho social, de educação ambiental, empreendedora, inclusivas. “A ideia é que a CACAU possa contribuir mostrando como a Virada vai além de grandes atrações musicais e produz um grande impacto social na capital mineira. Isso faz com que os alunos tenham vivência real do mercado, trabalhem em equipe, se integrem com equipes externas e treinem o olhar para o lado social”, explica Dandara Andrade, líder de Produção de Conteúdo da CACAU.

Sobre a Virada Cultural
Mais de 400 atrações de linguagens e formatos variados fazem parte da programação, espalhadas em 25 espaços do hipercentro, possibilitando uma ocupação harmônica para que as pessoas verdadeiramente vivam a cidade durante 24 horas.

São esperadas cerca de 500 mil pessoas durante todo o evento. A Virada Cultural de BH é uma realização da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, e do Instituto Periférico e conta com a parceria do UniBH.

 

Para conferir a programação completa, basta acessar o site oficial.

Inscreva-se